Segunda-feira, 13 de Outubro de 2008

No Sábado à noite, estávamos a jantar e, como habitualmente pus um bocadinho num prato à parte para a Inês ir "depenicando" enquanto nós iamos jantando. O jantar era bacalhau à brás, mas eu para ela só pus mesmo o bacalhau e o ovo e, claro, sem temperos. Quando olho para a Inês a meio do jantar ele estava muito aflita a coçar o pescoço e a cara dela estava a ficar cheia de borbulhinhas pequenas junto à boca, olho para o pescoço dela e estava a ficar super vermelho cheio de borbulhas e ela muito aflita sem parar de se coçar. Nem pensei duas vezes, disse logo ao meu marido para se ir vestir para irmos às urgências que a menina estava a fazer reacção alérgica a qualquer coisa, tal era a aflição que só vesti o casaco à Inês e lá fomos, com a Inês em pijama !!

Chegámos à CUF Descobertas em menos de 15 minutos, felizmente não estava trânsito, chamaram-nos para a triagem e o pescoço da Inês já não estava tão vermelho, mas ela continuava aflita com a comichão, fomos atendidos pelo pediatra em 10 minutos, que nos confirmou que era uma reacção alérgica, possivelmente a Inês é alérgica ao bacalhau, já que ovo ela já tinha comido anteriormente e bacalhau era a 1ª vez. Receitou o "Atarax" xarope para dar de 12h em 12h, e uma loção (que eu não me lembro do nome) para a comichão. Aconselhou-nos a não ir à natação no dia seguinte, o cloro podia irritar ainda mais a pele e avisou-nos que o xarope tinha um efeito sedativo, para eu não estranhar se ela andasse mais sonolenta.

Felizmente ontem a Inês já estava bem melhor, o pescoço não estava tão vermelho, não notei a tal sonolência, a Inês passou o Domingo a fazer traquinices e só dormiu a sesta normal de 2h. Passámos os 3 o Domingo em casa, como há muito não passávamos...

Felizmente tudo não passou de um susto, no entanto hoje e amanhã a Inês ainda vai tomer o xarope, para fazer os 4 dias que o médico disse.

Assim não há de mãe que aguente!!

 

Uma novidade da Inês agora é que quer comer sózinha, na hora da sopa se eu lha der faz uma birra enorme e recusa-se a abrir a boca e manda palmadas na colher e chora e sei lá mais o quê!! Então tenho de lhe pôr o prato à frente e dar-lhe uma colher, só assim é que lhe consigo meter a sopa na boca ao mesmo tempo que ela tenta apanhar alguma coisa com a colher e meter na boca, resultado: uma grande porcaria no chão da cozinha, mas nada que uma esfregona não resolva no fim da refeição, e assim a minha menina vai aprendendo a comer sozinha. O 2º prato nem vale a pena tentar dar-lho, porque ai ela não me quer por perto, mas esse, com as mãos ou com a colher, ela vai já vai comendo sózinha.

É esta a nova traquinice da minha filha, que por um lado é sinal do seu desenvolvimento.


sinto-me A precisar de um café

publicado por ssbpt às 10:05 | link do post | favorito

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

O dia a dia de uma familia que eu tento (só tento) que seja normal!
mais sobre mim
posts recentes

Surpresa ....

Mãe

Descansa em paz!

Procura-se

Voltei!!

A consulta

Não há mal que venha só!!

Ano e meio...

Fim de semana à vista...

Melhoras??!!

arquivos

Setembro 2010

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

tags

todas as tags

Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29


links
comentários recentes
Olá, Também sai de casa no Sábado de manhã para ve...
Onde tu andas, já tenho saudades.Beijocas
dói muito, muito mesmo, sei bem, passei por isso n...
blogs SAPO
subscrever feeds